Navegar para Cima
Logo
Secretaria Regional da Agricultura e Florestas
Direção Regional dos Recursos Florestais
 



Caminhos Florestais

Caminhos Florestais

A importância que se dá, hoje em dia, às vias de comunicação merece um destaque especial na medida em que permitem o verdadeiro sentido da globalização, aliado à estabilidade política e à melhoria económica e social de cada área.
As redes de comunicação terrestre combatem o tempo que se gasta em deslocações e à penosidade que lhes está inerente. Desde os primórdios que se tenta ligar as áreas de maior densidade populacional a outras áreas com o mesmo grau de desenvolvimento, ou não, desenvolver as áreas de menor crescimento e desenvolvimento, promover um equilibrado ordenamento do território e, acima de tudo, impulsionar o desenvolvimento regional. Sem um progresso harmonizado ligado, diretamente, às vias de comunicação não seria possível considerar um território ou determinada área desenvolvida.
No caso dos caminhos rurais e florestais, estes revelam-se de enorme importância no campo, por exemplo, ambiental e da proteção civil, assistindo caminhos que ligam áreas onde, por vezes, o acesso estava dificultado. Daí a necessidade de se manter essas vias limpas e em bom estado de conservação. Para além disso, os caminhos florestais fazem parte dos perímetros florestais enquanto os caminhos rurais proporcionam a circulação de animais, máquinas e viaturas agrícolas e florestais, tendo uma importância acrescida, também, ao nível da proteção civil e do turismo facultando as ligações a áreas com considerável valor ecológico, paisagístico e ambiental.